Inatividade física, ancestrais e genética

AF

A dica com embasamento científico de hoje eu super legal e importante!

A inatividade física pode ser considerada uma condição patológica assintomática, pois a inatividade não é fisiológica visto que nossos ancestrais caçavam, alimentavam-se e até acharem a comida noventa ficavam em jejum..e pela seleção natural somente sobreviviam e reproduziam os que tinham os genes poupadores de substratos (carboidratos e gorduras) – teoria de Darwin – sendo assim nós herdamos esses genes poupadores ao longo dos anos e a inatividade física gera estabilidade nessas reservas que não são utilizadas (e temos os genes poupadores) gerando síndromes metabólicas e acarretando doenças crônicas como a obesidade!

Sendo assim, o exercícios físico sempre será re-inserido e não iniciado visto a partir da visão evolucionista. E é extremamente importante pensando na parte histórica e genética da fisiologia humana, ou seja, a correção do ambiente desfavorável é necessária visto que este é incompatível à expressão fisiológica do nosso genoma!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s